Clémence Boinot

Harpa   |   Principal

clemence-boinot

Clémence é apaixonada pela harpa desde os cinco anos. Ela começou a estudar o instrumento orientada por Isabelle Lagors em sua cidade natal, Cergy-Pontoise, na França. Seu amor continuou a crescer e, aos 20, ingressou na Haute École de Musique de Genebra, na Suíça. Em 2013, após seis anos de aperfeiçoamento sob orientação de Florence Sitruk, Clémence concluiu seu bacharelado com honra. Dois anos depois, tornou-se Mestre em Pedagogia. Concluiu os estudos em 2017 com um mestrado em Solo Performance – seu concerto final foi transmitido ao vivo pelo YouTube.

 

Paralelamente aos estudos, Clémence participou de vários projetos de música de câmara e foi membro-fundadora do grupo Caravelle. Em reconhecimento ao seu propósito de explorar as interações entre música e teatro, o grupo recebeu, em junho de 2016, o prêmio na categoria Music and Stage Art pela HES-SO (Universidades de Ciências Aplicadas do Oeste da Suíça).

 

Clémence foi professora de harpa por muitos anos e adora compartilhar seu conhecimento com os estudantes. Em 2017, foi convidada a ensinar jovens harpistas no Neojiba, em Salvador, Bahia. Com essa dessa experiência, ela se encantou pelo Brasil e, poucos meses depois, juntou-se à Filarmônica de Minas Gerais.